Notícias

Elas fizeram história na educação!


07
Abril
2018

No dia 8 de março é comemorado o Dia Internacional da Mulher, uma data que remete às lutas de mulheres por melhores condições de vida e trabalho. Para celebrar essa data, conheça quatro mulheres que revolucionaram a educação. Confira!

 

Marie Curie (1867 – 1934)

Nascida na Polônia, Marie Curie foi encorajada por seu pai a se interessar pela ciência. Aos dezessete anos, ela se mudou para a França onde estudou Física e Matemática na Universidade de Sorbonne.

Marie Curie recebeu o seu primeiro Prêmio Nobel (em Física) em 1903 em decorrência dos seus estudos (realizado em conjunto com Pierre Curie e Antoine Henri Becquerel) sobre a radioatividade. O segundo Prêmio Nobel (em Química) foi em 1911 por suas pesquisas com o rádio.

 

Maria Montessori (1870 – 1952)

Primeira mulher a se formar em Medicina na Itália, ela também criou um método educacional que leva o seu nome e até hoje é aplicado em instituições de ensino infantil ao redor do mundo. Esse método prioriza o desenvolvimento da educação com base na evolução da criança.

Maria Montessori acreditava na autonomia das crianças, defendendo que elas eram capazes de conduzir o seu aprendizado, sendo o professor o profissional responsável por acompanhar o processo.

 

Dorina Nowill (1919 – 2009)

Dorina Nowill perdeu a visão aos dezessete anos, vítima de uma doença não diagnosticada.

Ela foi a primeira aluna cega a frequentar um curso regular na Escola Normal Caetano de Campos, na qual se formou como professora. Especializou-se em educação de cegos no Teacher´s College da Universidade de Columbia, em New York, EUA.

Percebendo a necessidade do País de materiais em braille, ela criou, em 1946, a Fundação para o Livro do Cego no Brasil.

 

Emília Ferreiro (1937 -)

Emília Ferreiro é uma psicóloga e pedagoga argentina, radicada no México, que dedicou os seus estudos em psicolinguística à alfabetização de crianças.

Seu nome é ligado ao construtivismo, campo de estudo inaugurado pelo biólogo suíço Jean Piaget (1896-1980) com a investigação dos processos de aquisição e elaboração de conhecimento pela criança. Eles concluíram que as crianças tem papel ativo no aprendizado, construindo o próprio conhecimento.

 

Fontes:
E-biografia – Maria Montessori – disponível em https://goo.gl/tnDhxf
Infoescola – Método Montessoriano – disponível em https://goo.gl/4AiFfB
Fundação Dorina Nowill – disponível em https://goo.gl/7TQj1W
Canal Ciência – disponível em https://goo.gl/TVMYwS
E-biografia Emilia Ferreiro – disponível em https://goo.gl/yHppgC